Partilhar

Aquém do Bem, O Mal

Francisco Aguilar

Em Stock

Desconto: 10%
10,80 € 12,00 €

Detalhes do Produto

Sinopse

Índice

Nota prévia

Introdução

1. A verdade moral

2. O erro moral dos homens: a normativização da facticidade

3. O pesadelo moral de Dostoievski

4. O pesadelo de Dostoievski como o sonho de Nietzsche

5. A imoralidade de Nietzsche: a normativização do predominante lado predatorial sobre o outro da natureza humana

5.1. O erro do positivismo moral de Nietzsche

5.1.1. Para além da descrição da facticidade

5.1.2. ... a prescrição da facticidade

5.2. A insídia moral de Nietzsche: a amputação da facticidade da natureza humana

5.3. A normativização da imoralidade como prescrição da descrição do lado sombrio da natureza humana: a emancipação da vontade sobre todos

Excurso: a emancipação da vontade não apenas da moral mas também da própria razão

5.4. A recusa de normativização moral, i.e., de redenção como recusa de prescrição da descrição do lado luminoso da natureza humana

6. A substituição da “moral de escravos” pela (imoral) prescrição do esclavagismo como significado da filosofia de Nietzsche

Excurso: a substituição do amor pelo ódio

7. As burlas de Nietzsche

7.1. A superação da dicotomia entre o bem e o mal como branqueamento da prescrição do mal

7.2. A emancipação da vontade do homem: uma antinomia de Nietzsche

8. O legado de Nietzsche: a defesa filosófica da cisão da humanidade comum (“e.g.”, discriminações, esclavagismos, genocídios)

Excurso: nietzschismo cultural

Considerações conclusivas

Epílogo

Carta aos últimos Cristãos

Ler mais

Autor

Francisco Aguilar

Ler mais