Partilhar

Desconto: 50%
7,95 € 15,90 €

Detalhes do Produto

Sinopse

Nos últimos anos desenvolveu-se, no domínio dos estudos literários e mesmo fora dele, um interessante debate acerca da questão do cânone, debate a que não são estranhos sentidos e até preconceitos ideológicos. Polarizado em torno da dimensão institucional da literatura e de aspectos significativos dessa dimensão como seja a sua presença no sistema de ensino, a discussão sobre o cânone levou inevitavelmente à ponderação de elencos de autores considerados canónicos e, na sequência dessa ponderação, à acentuação da função pedagógica e de legitimação simbólica atribuída a esses elencos.

Se olharmos para os bem variados cenários em que, ao longo dos tempos, decorreu e se reafirmou a “canonização” de Gil Vicente, verificaremos que é indiscutível e até praticamente obrigatória a presença deste grande homem de teatro nesta série de volumes. Isso mesmo é confirmado em vários momentos desta monografia, confiada a José Augusto Cardoso Bernardes, um dos nossos grandes especialistas em matéria vicentina.

Ler mais

Autor

José Augusto Cardoso Bernardes

JOSÉ AUGUSTO CARDOSO BERNARDES (n. 1958) é Professor na Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra onde tem sobretudo regido cadeiras no âmbito da Literatura Portuguesa do século XVI e na Didáctica da Literatura. Publicou O Bucolismo Português (Coimbra, 1988), Sátira e Lirismo no teatro de Gil Vicente (Coimbra, 1996), História Crítica da Literatura Portuguesa (dir. de Carlos Reis), Vol. II, “Humanismo e Renascimento” (Lisboa, 1999), Revisões de Gil Vicente (Coimbra/Braga, 2003) e A Literatura no Ensino Secundário (Porto, 2004). Foi co- Director de Biblos. Enciclopédia Verbo das Literaturas de Língua Portuguesa (Lisboa, 1999-2005).

Ler mais