Partilhar

Contos e Lendas de Terras de Vimioso – Património Imaterial da Aldeia do Pinelo

Francisco António Lourenço Vaz

Em Stock


Desconto: 10%
13,50 € 15,00 €

Detalhes do Produto

Sinopse

Nesta obra apresenta-se o produto da recolha, sobre o património imaterial da aldeia de Pinelo, em três domínios em que a oralidade adquire o papel predominante: os contos e lendas populares, as alcunhas e o dicionário regional. O campo de estudo está geograficamente circunscrito ao concelho de Vimioso, ao século XX como tempo histórico e à memória dos homens como fonte principal.

A literatura oral fundamentava-se na tradição e renovava-se com os dados da vida quotidiana, para deste modo alimentar o convívio das gentes, em volta da lareira, na taberna e em outros locais públicos mais frequentados. Era também um refúgio tantas vezes procurado para aligeirar as agruras e dureza do trabalho agrícola, nas ceifas, vindimas, trilhas e mondas. Era nesses convívios, e trabalhos agrícolas, que se recorria aos contos, aos ditos e ditados novelescos, para entreter, para instruir, corrigir e para aproximar as gentes, através do riso ou da reflexão.

Tempo histórico destas criações populares é necessariamente um tempo longo e de difícil datação. Contudo, os contos e lendas recolhidos refletem estruturas sociais, económicas e culturais que eram características do século XX nas aldeias do Nordeste Transmontano. Ou seja, estas criações constituem também um elo importante para perpetuar a memória das comunidades rurais, mais uma peça do puzzle para conseguir a história de gentes que ainda viviam no predomínio da oralidade. Neste facto reside a importância histórica que atribuímos a este trabalho, que continua a tradição positivista e romântica dos nossos grandes mestres da cultura popular.

Ler mais

Autor

Francisco António Lourenço Vaz

Ler mais