Partilhar

Desconto: 20%
18,53 € 23,16 €

Detalhes do Produto

Sinopse

O alinhamento discursivo desta obra pressupõe que o tempo intrigante e complexo que vivemos exige o contributo do cidadão preocupado; que a escolarização deve visar, com afinco, a preparação para o exercício da cidadania, que a educação científica, orientada no sentido Ciência/Tecnologia/Sociedade (CTS), cria condições para que o aluno faça uma leitura crítica da realidade e se prepare para participar activamente nessa realidade e, finalmente, que os recursos materiais tradicionais, com destaque para os manuais escolares, estão longe de responder a estas exigências. Assim, privilegiando uma lógica e uma orientação axiológica conducentes à preparação para o exercício da cidadania, a autora, centrando-se em reconceptualizações do ensino e nos contextos que constituem "novos" textos capazes de viabilizar a construção de sentido a essas mudanças, confrontou aquela reflexão com a realidade escolar concreta. Escolheu uma "voz" dessa realidade com um grande número de auditores, com um estatuto privilegiado na regulação da prática pedagógica e que constitui um meio configurador de contextos facilitadores da educação para a cidadania - a voz dos manuais escolares. Através de uma reflexão aprofundada sobre o manual escolar em geral e de um estudo empírico centrado no manual de ciências, aponta lacunas e proporciona pistas para uma "escola de cidadãos", para uma "educação sobre ciência" numa perspectiva CTS e, sobretudo, para uma educação do cidadão através da ciência - "educação pela ciência". Em suma, para além da apresentação de dados elucidativos e ilustrativos de uma dada realidade, explora possibilidades concretas de transformação dessa mesma realidade.

Ler mais

Autor

Maria Eduarda Moniz Santos

Ler mais