Partilhar

Sombras Rock pelos Montes

Rosário Pedroso

2 dias


Desconto: 10%
10,80 € 12,00 €

Detalhes do Produto

Sinopse

Há a ressonância de um ontem a morder a memória num hoje vestido de sombra, o fluir poético nas tranças do tempo. Permanecida nos terrenos baldios, a poetisa procura a libertação na liberdade de um espaço e tempo dados ao desafio, um tempo que acena ao provir incerto. E sinto, no escutar de uma voz telúrica, o perfume das flores coloridas num jardim de outros tempos, ouço a melancolia no timbre de versos roucos que gritam na lembrança de um melro a cantar sobre a terra que não existe no hoje transformado, vejo o berço dos areais divinos mordaçados na desagregação que o tempo investe. Rosário Pedroso é a voz do tempo, do tempo inteiro repercutido como eco que soa num inverno demorado. Talvez a voz triste que bebe a alegria no memorando escrito nas margens íntimas. Talvez, sim, talvez! Talvez, porque nada é claro na poesia, mesmo nos dias que brilham refletidos na vidraça do olhar. A voz poética é a clareza reversiva na sombra, e, aqui, a claridade é antiga.

[Luís Ochoa]

Rebento de Pássaros // Rebento de pássaros / e as ansas surgem cobertas por saveiros. / Faço estalar as nuvens de gelo / e a confusão rubra / aparece sem sombras. / Estou na rebentação com os pássaros / para poder ser esmeralda no berço / e subir o Nilo em paz / ser rebento de ganso na grande curva do rio.

[Rosário Pedroso]

Ler mais

Autor

Rosário Pedroso

Ler mais