Partilhar

Sobre Acidentes de Viação e Seguro Automóvel - Leis, Doutrina e Jurisprudência

Guias Práticos

Eurico Heitor Consciência

Em Stock


Desconto: 60%
9,69 € 24,23 €

Detalhes do Produto

Sinopse

Edição Revista, Actualizada e Ampliada

Glossário breve dos temas e problemas dos acidentes de viação e do seguro de responsabilidade civil automóvel, com referências actualizadas (até Outubro de 2002) das soluções legais e jurisprudenciais das questões mais frequentes ou mais controversas.
Os acidentes de viação e o seguro automóvel de A a Z.
3.ª edição, com inclusão do "novo" Código da Estrada e legislação complementar. Três edições em três anos demonstram o interesse prático da obra.

Restos de Prólogo

... Este livro demorou poucas semanas a "fazer", mas a sua preparação durou dezenas de anos: resultou da ordenação de apontamentos tomados ao longo de quarenta anos de tribunais.
Não haverá profissão mais "constante" do que a de Advogado quando o Advogado age no temor de que poderá não se fazer justiça por culpa sua: por lapso, desatenção ou ignorância atroz. Quando se advoga com a perseverança sofrida d'um maratonista: Há que chegar lá - à justiça.
(As largas dezenas de estagiários que tive só ensinei isso. Acrescentando: no dia em que no cliente que se sentou à vossa frente deixarem de ver uma pessoa para só divisarem um cifrão, abandonem a advocacia. Porque, doutra forma, nunca serão Advogados, porque não serão livres, e só se pode ser Advogado sendo livre.
Terminando, pomposo, pesporrente, definitivo: O Advogado não trabalha por dinheiro, não pode decidir-se por ele. O dinheiro nunca poderá ser a causa do seu trabalho; será a sua consequência. A menos interessante das suas consequências).
Com/vencer o adversário, o Juiz, o Desembargador e o Conselheiro... Tendo sempre presente que as leis e o Direito des/servem bastas vezes a justiça...
Para lá chegar não se pode descansar; tem que se andar sempre: ouvir, ler, tomar notas, ler outra vez, tomar novos apontamentos, interrogar-se, ler de novo e pensar: discorrer, ponderar, ordenar argumentos, prever os contrários e preparar o ataque...
(Tendo sempre o bom senso de não contar que o Colega contrário seja burro e de não jogar no "douto" suprimento das nossas carências pelo juiz. Que poderá não suprir - por não saber ou não poder).
E pensar cansa - sobretudo quando se não têm nem os conhecimentos nem os talentos do Prof. Varela.
Pois foi nesta maratona que só acabará com a morte (que os Advogados nunca se reformam: reformam-se mas não se reformam) que foram tomados os apontamentos que se ordenaram neste livrinho - que foi exclusivamente determinado pelo propósito de fazer um vade tecum...

Abril de 2005

Ler mais

Autor

Eurico Heitor Consciência

CURRICULUM VITÆ

Ler mais