Partilhar

Desconto: 20%
8,71 € 10,90 €

Detalhes do Produto

Sinopse

No século XIX, no O Capital, numa secção intitulada “Indústria moderna e agricultura”, Karl Marx escreveu que o progresso na agricultura capitalista significava não apenas o despojamento do trabalhador, mas também o despojamento do solo.

O autor não foi um ambientalista, mas o que observou e independentemente do tipo de modo de produção a ter em conta, é importante para analisarmos, no geral e no particular, a “fractura metabólica” da relação ser humano/natureza, para analisarmos a mudança climática. Fractura que vai para além do despojamento do solo.

O tema-pergunta deste 35.º livro da coleção Cadernos de Ciências Sociais da Escolar Editora é justamente este: o que é mudança climática?

Quatro cientistas aceitaram o desafio da resposta, a geógrafa portuguesa Ana Monteiro, o cientista social brasileiro Thales Haddad Novaes de Andrade e os moçambicanos Mohsin Mahomed Sidat (médico) e Carlos Manuel Serra ( jurista e activista ambiental).

Pela ordem de entrada dos autores no livro: Ana Monteiro historiou e analisou o que chamou culpas e desculpas no estudo da mudança climática. Por sua vez, Thales de Andrade ocupou-se das controvérsias, dos consensos e das hierarquias do fenómeno. No terceiro texto, Mohsin Sidat estabeleceu a relação entre mudanças climáticas e saúde pública. Finalmente, Carlos Manuel Serra debruçou-se sobre o papel dos ecossistemas de mangal em Moçambique.

Um excelente conjunto de textos cuja leitura é fundamental.

Ler mais

Autor(es)

Ana Monteiro

Ler mais

Mohsin Mahomed Sidat

Ler mais

Thales Haddad Novaes de Andrade

Ler mais

Carlos Manuel Serra

Ler mais