Partilhar

Maria Gomes, Cristã-Nova, 117 Anos, a Mais Idosa Vítima da Inquisição

Jorge Martins

Indisponível


Desconto: 25%
11,13 € 14,84 €

Detalhes do Produto

Sinopse

Maria Gomes, presa em 1636 pela Inquisição, quando tinha 115 anos de idade, foi a mais idosa vítima que se conhece daquele criminoso tribunal. Depois de dois anos de interrogatórios e de ter sido torturada, apesar da sua provecta idade, foi queimada no auto-de-fé de 5 de setembro de 1638, já com 117 anos, como o processo inquisitorial nos revela. Este livro recupera esse caso singular e paradigmático da nossa história e pretende tornar-se um recurso exemplar para o estudo do funcionamento do Tribunal do Santo Ofício português. Trata-se de um processo com 275 páginas, que aqui se descreve em todos os seus trâmites, desde a primeira denúncia até ao auto-de-fé em que Maria Gomes foi queimada, passando pela prisão, pelos três interrogatórios regimentais, pela tortura, pela indesejável confissão, pela sua posterior negação e pelas desesperadas tentativas tardias de se salvar da morte na fogueira.

Ler mais

Autor

Jorge Martins

Ler mais