Partilhar

Manual de Análise Qualitativa: analisar sem contar nem classificar

Christophe Lejeune

Disponibilidade Imediata

Desconto: 20%
12,80 € 16,00 €

Detalhes do Produto

Sinopse

O método qualitativo está equipado com ferramentas e técnicas: diário de bordo, propriedade, dimensão, categoria, amostragem, saturação, cenário, memorando e relatório, codificação (aberta, axial e seletiva). Este livro apresenta o papel respetivo de cada um desses elementos e permite que todos se apropriem da lógica subjacente a eles. Com base em exemplos de pesquisas do mundo real, o autor explica claramente como conduzir a sua própria pesquisa. A obra fornece dicas desenvolvidas pelos profissionais mais avançados e permite ao leitor avaliar o seu próprio progresso no excitante mundo da investigação qualitativa.
Este livro é um manual prático de pesquisa qualitativa. As questões tratadas são relevantes para qualquer pessoa que procura realizar uma investigação qualitativa, de forma adequada, rigorosa e criativa. Concebido para ser polivalente e flexível, este manual é apropriado quer para as pesquisas realizadas através de entrevistas quer para as investigações realizadas através de observação. Finalmente, estes conselhos adequam-se igualmente tanto ao trabalho em papel como à análise utilizando o computador. O leitor encontrará aqui dicas analíticas, práticas e produtivas, que permitirão ao principiante começar com o pé direito e que ajudarão o investigador experiente a explorar novas pistas.
Esta obra convida a desenvolver três competências: visar a experiência sem cair no temático; desenvolver categorias que conceptualizam sem classificar; integrar estas categorias sem recorrer a contagens.
A finalidade da obra é para aprender a: explorar a forma como os atores apreendem a sua vivência; realizar a sua própria pesquisa qualitativa, passo a passo; abrir novas pistas de interpretação, criar uma análise pessoal e adaptada ao fenómeno estudado; afixar eficazmente palavras na margem; desenhar esquemas claros; escrever e publicar regularmente.
Este manual propõe, por conseguinte, um “elo em falta” que permita preencher o fosso entre a metodologia e a prática, entre os ensinamentos académicos e as formações técnicas sobre pesquisa qualitativa. Num sentido, pretende atenuar um ponto cego, comparável ao papel de fixação do nervo ótico na retina. 


Ler mais

Autor

Christophe Lejeune

Ler mais