Partilhar

Forais Manuelinos: Juromenha, Alandroal, Terena - 1512-1516

Francisco Bilou, Manuel J. C. Branco

Sujeito a confirmação por parte da editora


Desconto: 10%
14,39 € 16,00 €

Detalhes do Produto

Sinopse

Para assinalar os 500 anos dos forais manuelinos de Juromenha, Alandroal e Terena, o Município de Alandroal, em parceria com a Junta de Freguesia de Terena e a União de Freguesias de Alandroal, Mina do Bugalho e Juromenha, preparou com o lema “Um concelho, três forais” várias iniciativas que nos fazem mergulhar nas nossas raízes e no riquíssimo legado histórico deste concelho. [...] Estamos certos que a edição “facsímile” dos três forais que agora apresentamos no âmbito da iniciativa de comemoração dos Forais Manuelinos do concelho, constitui um marco decisivo para assinalar essa efeméride histórica de tão elevado prestígio, permitindo ainda facilitar a leitura e estudo dos forais.
Mariana Chilra, Presidente da Câmara Municipal de Alandroal

Os forais reformados por D. Manuel eram, sobretudo, pautas aduaneiras: regulavam isenções e encargos tributários, e as relações entre o concelho e o rei e o senhor da terra. Respeitaram algumas prerrogativas locais mas uniformizaram, no reino, muitos procedimentos. Alandroal e Terena pertenciam à Ordem de Avis e nelas se verificava uma clara influência dos seus agentes; o senhorio de Terena estava cedido pelos reis à família Silveira. Nos forais percebemos as rotinas quotidianas e os ciclos anuais, intuímos o essencial do regime alimentar, vemos refletidas as dinâmicas sociais e económicas de populações pouco favorecidas economicamente.
Manuel J. C. Branco

Ler mais

Autor(es)

Francisco Bilou

Ler mais

Manuel J. C. Branco

Ler mais