Partilhar

As Cinco Grandes Revoluções da História de Portugal

André Canhoto Costa

Poucos exemplares em stock



Desconto: 40%
12,67 € 21,10 €

Sinopse

É impossível compreender um país sem pensar nas suas revoluções.

Este livro vai mais longe e apresenta, pela primeira vez, uma história comparada das várias revoluções em Portugal, explicando as suas origens e consequências para compreendermos melhor a democracia portuguesa contemporânea.
Foi 1383-1385 uma escaramuça entre nobres ou uma primeira manifestação das ambições políticas da burguesia, motivada pelo desenvolvimento económico da navegação?
A revolta de 1640 impôs uma identidade nacional ou não passou de uma mudança dinástica desencadeada por uma aristocracia com medo de uma verdadeira revolução?
As revoluções liberais de 1820 deram início à era democrática ou foram uma briga entre militares que desembocou num regime conservador manipulado por dois partidos elitistas?
Foi a República de 1910 um reforçar da democracia ou uma derivação anticlerical e violenta que criou as condições para o aparecimento do Estado Novo?
O 25 de Abril foi a tão esperada madrugada da Democracia ou um golpe militar motivado por razões de classe… e que pouco mudou as tendências ancestrais da sociedade portuguesa?
Do século XIV ao século XX, a História de Portugal é uma sucessão de falsas partidas. A luta pelos direitos políticos acabou quase sempre manipulada por uma elite, garantindo a continuidade entre regimes económicos e políticos, mitigando a violência e fazendo de Portugal um oásis de pacifismo, mas também um país brando, apático e dos mais pobres da Europa.

Ler mais

Autor

André Canhoto Costa

André Canhoto Costa nasceu em Oeiras, em outubro de 1978. Após dois anos na Universidade de Évora, regressou a Lisboa para concluir os estudos na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova, em 2004. Trabalhou como bolseiro no Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa e fez o doutoramento em História Económica no ISEG. Concebeu o espetáculo sobre a vida e a poesia de Ruy Belo, Em Louvor do Vento, em 2013. Colaborou num manual de filosofia para o secundário, Ousar Saber. Publicou Os Vícios dos Escritores (2017) e As Cinco Grandes Revoluções da História de Portugal (2019).  Escreve para a revista Ler e tem desde 2017 uma rubrica semanal, «Crónicas Portuguesas», na RDP Internacional. Escreveu também um dos volumes da coleção Portugal, Uma Retrospetiva (2019). Participou na construção e integra o Conselho Científico do Quake – Centro do Terramoto de Lisboa.

Ler mais