Partilhar

Uma Sociedade Funcional - Antologia de textos sobre sociedade, comunidade e política, escrita pelo «homem que inventou a gestão»

Peter F. Drucker

Sujeito a confirmação por parte da editora

Desconto: 20%
7,92 € 9,90 €

Detalhes do Produto

  • Editora: Dom Quixote
  • Tema: Economia
  • Ano: 2012
  • ISBN: 9789722049269
  • Número de páginas: 384
  • Capa: Brochada

Sinopse

A Sociedade Funcional está dividida em sete partes. As partes um e dois foram escritas sobretudo durante o início da Grande Depressão e a Segunda Guerra Mundial. A parte 3 trata dos limites da competência governativa na esferas social e económica, e da diferença entre governo grande e governo eficaz. A parte seguinte analisa os centros autónomos de poder, exteriores ao governo e integrados na sociedade. Na quinta parte encontram-se os trabalhos inovadores de Drucker sobre as empresas enquanto organizações sociais e não apenas exclusivamente económicas. A criação do conceito das «indústrias do conhecimento» constitui o pano de fundo para a parte subsequente. A última parte examina o surgimento de novas instituições e de novas teorias decorrentes da era da informação, bem como as mudanças sociais daí resultantes.

Ler mais

Autor

Peter F. Drucker

Considerado o pai da gestão moderna. Nasceu em Viena, em 1909, e foi educado na Áustria e na Inglaterra. Doutorou-se em Direito Público e Internacional na Alemanha e foi editor do Frankfurter General Anzeiger. Em 1937 emigrou para os Estados Unidos, onde se manteve como correspondente de vários jornais ingleses, incluindo o Financial Times, deu aulas de Filosofia e Política no Bennington Colleg, no Vermont, de Gestão (na Universidade de Nova Iorque) e de Ciência Política e Gestão na Claremont Graduate School, na Califórnia (e que é hoje o Peter F. Drucker Graduate School of Management). Autor de referência na gestão, e com uma obra vastíssima, Peter Drucker está publicado e traduzido em dezenas de línguas, tendo sido também consultor de várias empresas. Esta reedição da obra de Peter Drucker proporciona uma nova oportunidade para se reler este texto hoje clássico. Escrito em 1993, A Sociedade Pós-Capitalista continua a ser um livro de referência, pela pertinência e actualidade dos temas abordados, que vão desde uma análise presciente de que seria necessário combater o terrorismo à transformação do papel do Estado na economia, visando libertar recursos e melhorar a produtividade. Dividido em três partes (Sociedade, Política e Conhecimento), o livro começa por abordar historicamente a passagem de uma sociedade capitalista, cujos recursos principais são o capital, a terra e o trabalho, para uma sociedade que tem o conhecimento como recurso de base. Uma alteração de paradigma que exige mudança de mentalidades e novas realidades económicas e sociais. As sugestões simples e inteligentes apresentadas por Peter Drucker têm por base um consolidado conhecimento histórico que, acrescido do seu valor didáctico, contribui para dinamizar uma reflexão sobre o papel da sociedade e dos seus governantes no mundo. Um texto indispensável para se perceber a evolução da sociedade nos últimos 20 anos, de um modelo capitalista para o de uma sociedade do conhecimento.

Ler mais