Partilhar

Porquê a Guerra? Reflexões sobre o destino do mundo

Biblioteca 70

Sigmund Freud, Albert Einstein

Disponibilidade Imediata

Desconto: 20%
9,52 € 11,90 €

Detalhes do Produto

Sinopse

Albert Einstein, já na época um mito junto da comunidade científica e do público, foi incumbido em 1932 pela Sociedade das Nações de eleger um interlocutor que, por via episcolar, se manifestasse sobre a questão de ser ou não ser possível antever a evolução do homem até à superação da sua agressividade destrutiva; ou, conceptualizando: existe a possibilidade de eliminar a guerra para sempre do destino da espécie? A escolha de Einstein recaiu em Freud.

O mundo, em sobressalto, pressentia o advento de outra guerra, nova hecatombe que destruiria parte dele; e é neste ambiente de angústia difusa que a resposta de Freud a Einstein adquire valor de um testemunho de grandeza ímpar: entre o reconhecimento da inevitabilidade da guerra no estádio evolutivo actual do homem, e a admissão da possibilidade de a eliminar para sempre dos costumes, não poderá a categoria amigo-inimigo ser para sempre removida, como aconteceu, por exemplo, com a prática da relação incestuosa?

É a correspondência trocada entre Einstein e Freud que se divulga neste livro, além de dois textos de Freud, "Considerações actuais sobre a guerra e a morte" e "Caducidade", tratando ambos da guerra, da violência - e da libertação do homem dos avatares da sua caminhada sobre a Terra.

Ler mais

Autor(es)

Sigmund Freud

Sigmund Freud (1856-1939), um dos maiores pensadores do século XX, foi o criador da Psicanálise. Oriundo de uma família judaica austro-húngara, mudou-se para Viena com apenas quatro anos, cidade onde viria a ingressar na Universidade de Medicina. Apesar de ter sido inicialmente marginalizado pela comunidade científica, a Psicanálise é a prova viva do seu trabalho inovador e da forma como transformou incontornavelmente o horizonte do estudo da mente e do comportamento humano. Freud viveu os horrores da hegemonia nazi na primeira pessoa, perdendo quatro irmãs em campos de concentração e vendo-se obrigado a refugiar-se em Londres.

Ler mais

Albert Einstein

Ler mais