Partilhar

Desconto: 10%
17,01 € 18,90 €

Detalhes do Produto

Sinopse

Descubra em cada página do livro MORTE de Neil Gaiman uma surpresa, com inúmeras passagens que não só nos fazem reflectir sobre o momento em que tudo estará acabado, quando nos questionaremos sobre o que nos aguarda, mas também sobre tudo o que veio antes disso: a vida. Morte e Vida caminham de mãos dadas. Morte faz-nos pensar acerca do nosso papel na sociedade, mostrando histórias e situações presentes no nosso quotidiano, e das nossas relações afectivas com entes queridos.

A história que abre este volume é O Alto Custo da Vida, a primeira aventura a solo da Morte, publicada originalmente em 1993. Esta primeira história desenvolve uma lenda abordada na série Sandman, de que, um dia por século, a Morte encarna e desce à Terra para conhecer melhor os mortais para quem ela será a visita final. Cheio de diálogos mordazes ao longo da história, O Alto Custo da Vida traz importantes metáforas e questões ao leitor. Viver como uma humana por um curto período de tempo faz com que a Morte aproveite cada segundo como se fosse o último.

Morte: O Melhor Momento da tua vida, publicada originalmente em 1996, é outra das histórias pertencentes a este volume. Desta vez, a Morte tem um papel mais passivo. Acompanhamos a história de Hazel e da sua namorada, a compositora e cantora Foxglove, que por mais que ame imensamente a família que formou com Hazel e o seu pequeno filho, é proibida de assumir a sua homossexualidade, a fim de que não comprometer a sua carreira.

A completar este volume, temos ainda duas histórias curtas: A Roda, ilustrada por Chris Bachalo, em que Gaiman presta uma sentida homenagem às vítimas do 11 de Setembro, e a Morte Fala sobre a Vida, onde a personagem fala sobre a importância do sexo seguro e exemplifica as suas modalidades, com a ajuda de John Constantine (Hellblazer)

Ler mais

Autor

Neil Gaiman

Neil Gaiman começou por trabalhar como jornalista freelancer até que em 1987 se tornou conhecido ao criar com Dave McKean a novela gráfica Violent Cases. Devido ao excelente acolhimento da obra, abandonou o jornalismo e em 1988 iniciou a publicação da série Sandman, que o transformou num autor de culto. A sua carreira tem sido extraordinariamente prolífica e a sua arte tem obtido um justo reconhecimento, quer do público quer da crítica, o que lhe valeu diversos prémios prestigiados. Alguns dos seus livros foram adaptados ao grande ecrã com grande sucesso, como é o caso de Coraline e a Porta Secreta e Stardust ? O Mistério da Estrela Cadente, ambos já publicados pela Presença. Neverwhere - Na Terra do Nada, uma brilhante fantasia urbana, foi inspirada numa minissérie que escreveu para a BBC. A Presença publicou ainda, deste autor, Os Filhos de Anansi, Deuses Americanos, Bons Augúrios, em coautoria com Terry Prachett, A Estranha Vida de Nobody Owens e O Oceano no Fim do Caminho.

Ler mais