Partilhar

Memórias das Freguesias de Santo António das Areias e Beirã - N.º Especial da Revista IBN MARUAN

Jorge de Oliveira

Em Stock



Desconto: 10%
17,99 € 19,99 €

Detalhes do Produto

Sinopse

Para melhor compreendermos e podermos planear o desenvolvimento de um concelho, torna-se obrigatório conhecer e dar a conhecer o seu passado.

Se para a zona sul do Concelho de Marvão – entenda-se a Freguesia de São Salvador da Aramenha – já dispomos de um estudo de caráter monográfico que nos informa da sua história, das suas tradições, da sua economia, da sua sociedade e aspirações, tornava-se obrigatório alargar esses estudos às outras freguesias do concelho. Estrategicamente optámos, para já, pelas Freguesias de Santo António das Areias e Beirã, a que posteriormente se seguirá a de Santa Maria de Marvão. (...) Quiseram juntar-se a esta nossa iniciativa, as respetivas Juntas de Freguesia, que se disponibilizaram a comparticipar em algumas despesas da edição. A todos os que generosamente quiseram, direta e indiretamente, colaborar neste estudo, manifesto a nossa profunda gratidão. (...)

Renovo os agradecimentos a todos os que possibilitaram que, em tempo recorde e no seio da pandemia COVID-19, conseguiram erguer este livro de Memórias das Freguesias de Santo António das Areias e Beirã.

Bem hajam!

O Presidente da Câmara Municipal de Marvão (Eng.o Luís Vitorino)

***

Em 1569, dando vistas para Marvão, é erigido pelos habitantes do sítio das Areias o Cruzeiro que chega aos dias de hoje, em frente à então capela de Santo António, que viria a perfilhar o sítio, com a conivência de São Marcos.

Desta freguesia, ainda constituída no século

XVI, contam-se poucos relatos até ao inicio do século XX, quando por empreendimento dos locais, é bafejada por um desenvolvimento económico e social invulgar no nosso País. Vivia-se, então, a expansão das indústrias, dos comércios, dos bairros, das construções e da agricultura, movimentando milhares de pessoas, famílias e capitais. Santo António foi um dos motores de desenvolvimento de Portugal.

Hoje, vivemos outros tempos. É imperativo preservar as memórias. E usá-las para compreender o presente e desenhar o futuro. Esse é o trabalho que o executivo desta junta de Freguesia, à qual presido tem desenvolvido e apoia, como aqui se testemunha.

Muito Obrigado a todas e a todos quanto contribuíram para esta obra.

Sobre Santo António das Areias muito fala este livro. Permitam-me dar o toque de saída para a leitura, com estes versos cantarolados pelo Cant'Areias.

Aldeia bem Portuguesa, / E bem pertinho da Espanha / (...) / Ai Santo António das Areias, / Terra sem par, / És um cantinho lindo, lindo de encantar // Suas casas tão branquinhas / como manda a tradição, / Sua gente é modesta

O Presidente da Junta de Freguesia de St. António das Areias (Silvestre Andrade)

***

Foi com enorme alegria e satisfação que também nós (Junta de Freguesia de Bei- rã) nos associámos a esta grande obra.

A nível pessoal, posso-vos garantir tratar-se de um objetivo há muito idealizado, com uma vontade enorme de partilhar a nossa história, nada é mais gratificante do que escutar os nossos antepassados, aprender com os mais idosos... ouvir e perceber o nosso passado... saber como chegámos até aqui!

Com a certeza que com este trabalho, contribuímos todos para um futuro melhor. A freguesia de Beirã, é uma freguesia muito rica, muito rica em história, onde sempre houve uma grande movimentação de pessoas... de culturas... vários comércios, só para terem uma ideia da importância da nossa freguesia, a primeira licença para abertura de um casino está aqui registada! Por aqui se estabeleceu também a principal ligação ferroviária entre as duas capitais ibéricas, aliás foi a chegada do comboio à Beirã o momento mais marcante na vida desta freguesia, com todos os serviços que daí advieram, sempre soubemos receber bem os novos moradores, caraterística que foi passando de geração em geração. Em meu nome pessoal, em nome de todo o executivo da Junta de Freguesia, obrigado pela oportunidade de partilhar a "nossa" história, para que a história não se perca!

O Presidente da Junta de Freguesia da Beirã (António Manuel Mimoso)

Ler mais

Autor

Jorge de Oliveira

Ler mais