Partilhar

Maus Novos Tempos - Arte, Crítica, Emergência

Hal Foster

Em Stock



Desconto: 20%
15,20 € 19,00 €

Detalhes do Produto

  • Editora: VS.
  • Categorias:
  • Ano: 2021
  • ISBN: 9789895328314
  • Número de páginas: 228
  • Capa: Brochada

Sinopse

Maus Novos Tempos analisa a evolução da arte e da crítica na Europa Ocidental e na América do Norte ao longo dos últimos vinte e cinco anos, explorando a sua relação dinâmica com o estado geral de emergência instigado pelo neoliberalismo e pela guerra contra o terrorismo. Debruçando-se sobre a obra de artistas como Thomas Hirschhorn, Tacita Dean e Isa Genzken, bem como os escritos de pensadores como Jacques Rancière, Bruno Latour e Giorgio Agamben, Hal Foster expõe os modos como a arte previu esse mesmo estado, ora contrariando a falência do contrato social, ou apontando para a sua reparação, ora parodiando-a.

Numa oposição à alegação de que a criação artística se tornou tão heterogénea que pôs em causa a análise histórica, Foster defende a necessidade de que o crítico continue a exprimir com clareza um relato do contemporâneo em toda a sua complexidade.

«Hábil e obstinado, Foster é um dos raros teóricos da arte cuja pro sa comedida é capaz de aliciar um universo mais vasto de leitores, passando ao lado do inflacionismo filosófico que afecta boa parte da cavaqueira superior entre críticos de arte.» GUARDIAN «Maus Novos Tempos procura recuperar a ideia de vanguarda ao cabo de meio seculo de lutas intestinas, obscurecimento, rivalidade sucessivos no envolvimento com o mundo real da e falhanços suelo política.» HARPER'S

«A sua influência é considerável, prolongando-se muito para lá das fronteiras disciplinares da arte moderna e contemporânea, e aden trando na arquitectura, na literatura e na teoria crítica - tudo territórios em que Foster é uma autoridade. As suas fabulosas capacidades de análise e de explicação são, com elevada frequência, postas ao serviço da disrupção e da desestabilização, sendo a sua obra tão polarizadora quanto reveladora.» WHITE REVIEW

«Debruçando-se sobre os paradigmas recentes da arte, que vão do "abjecto" ao "pós-crítico", Foster utiliza o seu estilo despretensioso e incisivo para ajudar a localizar os falhanços da arte contemporânea na esperança de que uma arte mais singular e crítica possa ganhar a dianteira.» ARTSLANT

Ler mais

Autor

Hal Foster

Ler mais