Partilhar

Desconto: 25%
26,26 € 35,00 €

Detalhes do Produto

Sinopse

Nikias revela, no seu percurso e sucessivos balanços, um desejo de estar no seu tempo e para além do seu tempo, de ser um clássico (o que perdura do passado para o futuro) e um contemporâneo (o que coincide com o seu tempo).

Este livro foi publicado por ocasião da exposição «Nikias Skapinakis – Antologia de Guaches 1950-2018», realizada na Fundação Carmona e Costa, em Lisboa, entre 24 de Maio e 14 de Julho de 2018. A presente exposição mostra cerca de centena e meia de trabalhos de Nikias Skapinakis, exclusivamente «obras sobre papel». A vocação programática da galeria da Fundação Carmona e Costa assim o pede; a vocação sistematizadora e auto-reflexiva do artista face à sua obra encontra estímulo e reage positivamente a esta delimitação material e técnica; e o estudioso, bem como o espectador, pode, de tudo isso, tirar bons proveitos interpretativos. […] Skapinakis afirma que «para o pintor, as imagens estão fechadas» no momento em que termina cada uma delas. Em exposição, porém, essas imagens abrem-se para o espectador (e para o pintor também). É o que se deseja aconteça aqui de novo. Ao olhar retrospectivamente para este conjunto reunido de trabalhos, Skapinakis passará certamente a olhá-los prospectivamente.

[João Pinharanda]

Ler mais

Autor

Nikias Skapinakis

Ler mais