Partilhar

A Náusea

Jean-Paul Sartre

2 dias

Desconto: 10%
14,94 € 16,60 €

Detalhes do Produto

Sinopse

Após longas aventuras do Norte de África ao Extremo Oriente, o escritor francês Antoine Roquentin fixa-se na cidade provinciana de Bouville, afastado da família, de amigos, de tudo – exceto de si mesmo e das sensações e dos sentimentos que lhe provocam as pessoas, os objetos, os acontecimentos do dia a dia. A Náusea conta, em forma de diário íntimo e impressionista, a sua história, marcada pela presença constante de «uma felicidade modesta, uma felicidadezinha de náusea» que acabará por condicionar todas as suas ações, ou a falta delas. Através dos esforços de Roquentin por compreender a sua própria vida e aquilo que o rodeia, Jean-Paul Sartre constrói aqui, nesta que foi a sua estreia literária, uma análise dos problemas da existência humana, afirmando-o desde logo como um dos mais importantes nomes da filosofia existencialista. Publicado originalmente em 1938, este continua a ser um dos textos mais famosos da literatura francesa do século XX, aqui traduzido por António Coimbra Martins.

Ler mais

Autor

Jean-Paul Sartre

Jean-Paul Sartre (1905-1980) foi um filósofo e escritor francês reconhecido unanimemente como um dos maiores vultos da corrente existencialista. A sua atividade literária de excelência abrangeu os mais diversos géneros – do teatro ao romance e ensaio – e foi reconhecida pela academia sueca, que o laureou com o Prémio Nobel da Literatura em 1964. Todavia, Sartre foi o primeiro autor a recusar este prémio, pois defendia que «um escritor que adota posições políticas, sociais ou literárias deve agir apenas com os meios que são seus – ou seja, a palavra escrita. Todas as honras que possa receber expõem os seus leitores a uma pressão que não considero desejável.»
Sartre foi presidente do tribunal criado por Bertrand Russell para julgar a conduta militar norte-americana na Indochina em 1967. Apoiou vivamente os ideais do Maio de 68 e em 1970 foi detido por vender propaganda maoista, na altura proibida em França. 


Ler mais