Partilhar

Desconto: 10%
12,60 € 14,00 €

Detalhes do Produto

Sinopse

"Não é de todo difícil, logo nas primeiras páginas deste álbum, associar o protagonista desta história à Capuchinho Vermelho: o pai não está em casa e também a mãe lhe pede para levar um bolo à avó, que está doente. De igual forma, e tal como a Capuchinho, ele terá de optar entre o caminho mais longo e o mais curto para chegar ao seu destino, não sem antes se cruzar com várias personagens, que muitos reconhecerão de outros contos clássicos… Explorando a criatividade das crianças, os seus medos e inquietações, Anthony Browne acompanha o leitor numa fantasiosa e inesquecível viagem às entranhas de uma floresta plena de mistério, e onde nada é o que parece.

"


Ler mais

Autor

Anthony Browne

Anthony Browne (Sheffield, Inglaterra, 1946) granjeou a sua formação artística no Leeds College of Art e especializou-se em design gráfico. O seu afã perfeccionista pela representação da figura humana adveio da influência despertada por um dos seus primeiros trabalhos, como desenhista de temas médicos num hospital de Manchester. A dedicação à ilustração infantil corresponde, porém, a uma etapa posterior, enquanto desenhista de cartões de felicitações. Fruto do seu grande interesse pelos pintores surrealistas e cenas oníricas, logrou um estilo marcado e facilmente reconhecível pela introdução de elementos estranhos nas suas ilustrações. Entre os galardões que recebeu ao longo da sua trajetória figuram a Medalha Kate Greenaway e o Prémio Kurt Maschler, com destaque, em 2000, para o Prémio Hans Christian Andersen pelo conjunto da sua obra, uma distinção que, desde 1956, não era concedida a nenhum britânico. É um dos autores ingleses de maior prestígio pela sua contribuição para o desenvolvimento de novas formas de leitura, visão e relacionamento com a linguagem plástica. Assim o demonstram títulos como «O livro dos Porquinhos», «As preocupações do Billy», «Como te sentes?», «Um passeio pelo parque» e «Pela floresta», todos publicados pela KALANDRAKA. A crítica especializada enaltece o facto de ter concebido um universo pleno de referências culturais e artísticas, pistas visuais e chaves que valorizam a inteligência do leitor – independentemente da sua idade – para complementar e interpretar o texto.

Ler mais