Partilhar

Os Condenados da Terra

Frantz Fanon

Em Stock


Desconto: 10%
14,35 € 15,94 €

Detalhes do Produto

Sinopse

«Composto de cinco capítulos, que continuam as problemáticas de livros anteriores, (especialmente Pele Negra, Máscaras Brancas), Os Condenados da Terra parece ser, de facto, um livro testamentário, sobretudo tendo em conta o seu momento de escrita. Assim, a alienação cultural e seus traumas, a internalização da dominação (hoje falar-se-ia de subalternidade) e suas consequências na fragmentação da cultura nacional (cuja existência Fanon recusa em situação colonial pois considera que esta paralisa na sua totalidade a cultura nacional), a relação entre cultura nacional e lutas de libertação, as ideologias nacionalistas e seus equívocos, os programas (mínimos e máximos) dos movimentos nacionalistas e seus falhanços, o modus operandi monolítico dos poderes pós-coloniais e suas semelhanças com o poder colonial, o papel da burguesia e da “nova” elite, as ideologias dos nacionalistas africanos (que Fanon considera terem sido importadas), as ambiguidades do “intelectual colonizado”, as frustrações do ex-colonizado face ao novo país são matéria de Os Condenados da Terra: uma análise multi e transdisciplinar, multidimensional, da violência como realidade inerente à situação colonial que está presente em todas as expressões materiais e simbólicas da sociedade, mesmo depois das independências, detendo-se demoradamente na terapêutica da violência como inevitável.» [Professora Inocência Mata, «Prefácio». ]

A obra inclui um prefácio da Prof. Inocência Mata sobre a importância de Fanon para as lutas de libertação do continente africano, além dum texto do fundador do MPLA Mário Pinto de Andrade sobre as relações de Frantz Fanon com os movimentos de libertação das colónias portuguesas.


Ler mais

Autor

Frantz Fanon

Ler mais