Partilhar

Desconto: 10%
10,80 € 12,00 €

Detalhes do Produto

Sinopse

«Esta novela de Vila-Matas é um tributo à arte pura, ou talvez melhor dizendo: à crença. Através de uma troca epistolar entre a fascinante artista Dominique Gonzalez-Foerster e um tal EVM, o relato discorre sobre a natureza e os efeitos da estética do mesmo modo em que era vista por Duchamp: como um auto de fé. Meditativa, filosófica até à iluminação, na sua brevidade refulgem as presenças de Rimbaud, (…) de Bioy Casares, mas, sobretudo, de Holmes e Watson, como se esti?véssemos lendo um Conan Doyle da utopia».
Iván Ríos Gascón, Milenio (México)

«Marienbad eléctrico é o livro da amizade entre a artista e o escritor. É o eco das suas conversas e muito mais. Como frequentemente na obra de Vila-Matas, o livro que lemos não é exactamente o que cremos ler. A chave que nos é dada abre-se no nada, tal é a revelação a que nos leva, por vezes com uma graça um pouco diabólica».
Xavier Person, Le Matricule des Anges

«Poucas vezes vi uma conjunção tão exacta de interesses artísticos como os destes dois criadores, um sentimento tão partilhado acerca de que a arte é sempre mais intensa como experiência do que como resultado».
Manuel Rodríguez Rivero, Babelia

Ler mais

Autor

Enrique Vila-Matas

Ler mais