Partilhar

If the War Goes On - Reflections on War and Politics

Hermann Hesse

5 dias


Desconto: 10%
12,83 € 14,25 €

Detalhes do Produto

Sinopse

Herman Hesse remained clear-sighted and consistent in his political views and his passionate espousal of pacifism and the bloody absurdity of war from the start of the First World War to the end of his life. He wrote the earliest essay in this book in September 1914, before he cemented his fame with the novels Steppenwolf and Siddhartha, and continued writing a stream of letters, essays and pamphlets throughout the war. In his native Germany his views earned him the labels 'traitor' and 'viper', but after World War II he was moved to reiterate his beliefs in another series of essays and letters.

If the War Goes On...resonates as strongly today as it did when originally published and begs the question: have our politicians learnt nothing in the last seventy years?

Ler mais

Autor

Hermann Hesse

Hermann Hesse (1877-1962), Prémio Nobel de Literatura em 1946, nasceu em Calw na Alemanha. Filho de missionários protestantes, cedo entra em choque com os pais, que queriam o filho pastor; não se submete à disciplina da escola e foge para a Suíça onde adquire a nacionalidade Suiça em 1923. O jovem escritor casa-se, mas continua revoltado contra o meio burguês e as convenções sociais - como se lê em Gertrud (1910). Muda-se para a Índia e conhece o budismo, que adoptaria pelo resto da vida. Após o início da Primeira Guerra Mundial, em 1914, inicia-se em actividades contra o militarismo alemão. Em 1919, publica Demian, influenciado pelas ideias do psicanalista Carl G. Jung. Sem encontrar a solução para seus problemas na Índia, conta a história de sua vida em O Lobo da Estepe (1927). Em 1943, publica O Jogo das Contas de Vidro, romance utópico, situado no ano de 2200. É considerado um dos maiores escritores deste século, igualando-se a contemporâneos ilustres como Thomas Mann e Franz Kafka.

Ler mais