Partilhar

Homoparentalidades: Perspetivas Psicológicas

Jorge Gato


Versão em Ebook

Instruções de funcionamento


Desconto: 10%
13,49 € 14,99 €

Detalhes do Produto

Sinopse

Tenho muito gosto em apresentar este trabalho inovador do Dr. Jorge Gato. A presente obra é a primeira do género a examinar as atitudes face à homoparentalidade em Portugal e contribui para a expansão do conhecimento acerca desta temática a nível internacional. O autor examinou as atitudes face à homoparentalidade por parte de futuros profissionais das áreas do direito, saúde e educação, bem como da população geral, utilizando uma metodologia sólida e técnicas sofisticadas para detetar tendências estatísticas.
Os estudos apresentados no livro 'Homoparentalidades: Perspetivas Psicológicas' revelam, por exemplo, que as atitudes e as preocupações acerca do desenvolvimento das crianças adotadas por casais do mesmo sexo estão fortemente associadas ao género, às atitudes face à homossexualidade e aos valores sociais. Isto apesar da revisão da literatura científica realizada pelo autor demonstrar que a vida familiar e os aspetos desenvolvimentais chave destas crianças pouco diferem dos das crianças educadas por um pai e uma mãe.
Através de uma análise rigorosa, a presente obra contrasta portanto as atitudes hostis face à homoparentalidade com o corpo de investigação internacional sobre o bem-estar geral de crianças que crescem em famílias homoparentais.

Fiona Tasker
Birkbeck, University of London

VER POR DENTRO Ver página inteira

Ler mais

Autor

Jorge Gato

Licenciado em Psicologia e Mestre em Psicologia Clínica Cognitivo-Comportamental e Sistémica pela Universidade de Coimbra. Doutorou-se em Psicologia na Universidade do Porto, com uma tese sobre homoparentalidade. É Terapeuta Sistémico e Familiar pela Sociedade Portuguesa de Terapia Familiar. É Professor Auxiliar na Universidade Lusófona do Porto e Investigador no Centro de Psicologia da Universidade do Porto. Os seus interesses de investigação repartem-se pela Psicologia LGBT, Família e Género, assuntos sobre os quais tem publicado a nível nacional e internacional. Está convicto de que os/as psicólogos/as têm um papel imprescindível na sociedade contemporânea, quer a nível da promoção da mudança pessoal, quer da mudança social. Nesta medida, além do trabalho clínico e de investigação, intervém ativamente em debates sociopolíticos, como o que se relaciona com a legislação em torno da homoparentalidade.

Ler mais