Jorge Gato

Licenciado em Psicologia e Mestre em Psicologia Clínica Cognitivo-Comportamental e Sistémica pela Universidade de Coimbra. Doutorou-se em Psicologia na Universidade do Porto, com uma tese sobre homoparentalidade. É Terapeuta Sistémico e Familiar pela Sociedade Portuguesa de Terapia Familiar. É Professor Auxiliar na Universidade Lusófona do Porto e Investigador no Centro de Psicologia da Universidade do Porto. Os seus interesses de investigação repartem-se pela Psicologia LGBT, Família e Género, assuntos sobre os quais tem publicado a nível nacional e internacional. Está convicto de que os/as psicólogos/as têm um papel imprescindível na sociedade contemporânea, quer a nível da promoção da mudança pessoal, quer da mudança social. Nesta medida, além do trabalho clínico e de investigação, intervém ativamente em debates sociopolíticos, como o que se relaciona com a legislação em torno da homoparentalidade.


  • Filtrar por: