João Gabriel

João Gabriel nasceu em Outubro de 1965. Frequentou a Faculdade de Direito de Lisboa, não chegando, porém, a completar o curso. Com o surgimento da TSF, deixa-se seduzir pelo jornalismo e é na telefonia sem fios, fundada por Emídio Rangel, que iria viver alguns dos momentos mais marcantes da sua vida profissional. Foi o primeiro jornalista ocidental a entrar, de forma clandestina, em Timor-Leste, depois do massacre de Santa Cruz, em 1991. Foi um dos primeiros repórteres a envolver-se na guerra das Balcãs, onde andou à aventura nos vários centros da crise testemunhando o princípio do fim da velha Jugoslávia de Tito. Ganhou, em 1992, o prémio Gazeta de Jornalismo, com um trabalho inédito sobre a guerrilha peruana, Sendero Luminoso, e os dias agitados de um país mergulhado na ditadura constitucional de Fujimori. Viveu os primeiros anos da SIC, onde assina mais uma reportagem premiada: "As superstições no futebol". Produz na TVI, em 1994, oito biografias políticas, entre as quais merece destaque o documentário dedicado a Álvaro Cunhal. Em 1995, abandona o jornalismo para participar na primeira campanha eleitoral de Jorge Sampaio para a Presidência da República. O convite para continuar a colaborar com Sampaio como seu assessor de imprensa surge após a vitória. Foram 10 anos na primeira linha da vida política portuguesa.


  • Filtrar por:

Não encontrou o que procura ?

Utilize o nosso formulário de Pedido de Livros