Partilhar

A Crise Europeia: entre o niilismo do presente e a invenção do futuro/La Crisi Europea: tra nichilismo del presente e invenzione del futuro

Coord.: Silvério Rocha-Cunha, Irene Viparelli

Em Stock



Desconto: 10%
11,25 € 12,50 €

Detalhes do Produto

Sinopse

A crise internacional de 2007/2008 veio, indubitavelmente, inaugurar uma nova época da história europeia, caracterizada pela ininterrupta proliferação de sucessivos cenários de emergência. De facto, poder-se-ia interpretar a história mais recente da União Europeia como um verdadeiro “estado de exceção permanente”, em que as crises não deixam de se multiplicar: Grexit, crise da dívida soberana, populismos reacionários, terrorismo, crise dos refugiados, Brexit. A progressiva complexificação e deterioração do quadro político têm empurrado a crise da Europa até um ponto que parece sem retorno – o de um impasse político insuperável e de um bloqueio definitivo do seu projeto constituinte –, chegando a colocar em causa a própria sobrevivência da União. Contudo, é impossível considerar este presente europeu, tão incerto e precário, apenas como uma consequência da crise internacional de 2007/2008, uma vez que ele se enraíza na complexidade da própria história europeia, isto é, nas bases heterogéneas, e por vezes contraditórias, do seu processo de integração.

Ler mais

Autor(es)

Silvério Rocha-Cunha

Ler mais

Irene Viparelli

Ler mais