Partilhar

Terminar a Revolução

José Miguel Sardica

Em Stock



Desconto: 10%
14,94 € 16,60 €

Detalhes do Produto

Sinopse

A política portuguesa de Napoleão a Salazar. As revoluções foram uma característica estruturante da história contemporânea internacional. Também Portugal se integrou nesta tendência, tanto pelas motivações e ritmos específicos que por cá fizeram nascer desejos de mudança ao longo dos séculos XIX e XX, como pelas influências estrangeiras que atravessavam fronteiras. Se lá fora se fala hoje do regresso das revoluções, vale a pena igualmente estudar, no caso português, como é que ela surgiu, há 200 anos, como evoluiu e durou, ao longo do século XIX, e como desapareceu, na sua face liberal-radical, entre o final da I República e o triunfo do Estado Novo salazarista. O objetivo deste livro é assim o de explorar um dos eixos fundamentais da realidade nacional ao longo de mais de um século – o da revolução em Portugal, e o das dificuldades que a sua dinâmica suscitou sempre que se pretendeu terminar essa mesma revolução, consensualizando um regime que garantisse tranquilidade política, paz social e desenvolvimento económico, e evitando os ódios e lutas cujo impacto negativo, nas instituições, na sociedade ou na economia, tanto custou (e custa) ao país. Para tal, oferece-se nestas páginas uma narrativa do que foi o século XIX e ainda parte do século XX portugueses, ao longo dos cerca de 125 anos que mediaram entre as agruras de D. João VI perante Napoleão e a consolidação de Salazar no poder.

Ler mais

Autor

José Miguel Sardica

Ler mais