Partilhar

Os Três Amores de Benigno Reyes

John-Antoine Nau

Em Stock


Desconto: 10%
12,60 € 14,00 €

Detalhes do Produto

Sinopse

Os Três Amores de Benigno Reyes, «de um pessimismo quase alucinatório» (palavras de Valery Larbaud, que dirá de Nau, depois da sua morte: «Viver assim era cortejar o esquecimento.») surgiu pela primeira vez em 1902 na La "Revue Blanche", e foi editado em livro postumamente. O protagonista é oriundo de Puerto de La Orotava, onde a novela começou a ser escrita - e Nau conheceu bem os lugares nela referenciados. A mordacidade, o misto de desesperança e humor com que os descreve são de um tom que atravessa grande parte da sua obra, exótica e inquieta, como foi a sua vida, que acabou em 1918, aos 57 anos.

Ler mais

Autor

John-Antoine Nau

John-Antoine Nau, nascido na Califórnia em 1860 com o nome de Eugène Léon Édouard Torquet é o vencedor do primeiro prémio Goncourt, em 1903, com Force Ennemi. Em 1866, dois anos depois de se ver viúva, a mãe de Nau parte para França com os três filhos. Aos 21 anos, o autor faz a sua primeira viagem como marinheiro, iniciando uma existência itinerante, de que a esquivez ao meio literário é uma outra parte. Sempre mais interessado em escrever do que em promover-se, em viajar do que em estar parado, não enviou livros aos críticos, não fez discursos, deixou muito por editar.

Ler mais