Partilhar

Os Judeus de Pio XII: O Verdadeiro Papel do Papa Pacelli

Johan Ickx

Em Stock



Desconto: 10%
23,35 € 25,95 €

Detalhes do Produto

Sinopse

Do diretor do Arquivo Histórico da Secretaria de Estado do Vaticano, esta obra inclui revelações e documentos inéditos.

O círculo íntimo de Pio XII e a sua atuação durante a Segunda Guerra Mundial

O que sabia Pio XII acerca das atrocidades cometidas durante a guerra e quando foi informado delas? A Santa Sé terá feito tudo o que estava ao seu alcance para ajudar as vítimas da barbárie nazi?

Em 2 de março de 1939, o cardeal Eugenio Pacelli foi eleito papa, assumindo o nome de Pio XII. Coube-lhe, portanto, a tarefa de liderar a Igreja nos anos terríveis da Segunda Guerra Mundial. Quando o conflito terminou, Pio XII foi saudado como o salvador de Roma: políticos e personalidades do mundo judaico foram unânimes em elogiar a sua atuação durante esses anos difíceis. Pouco depois, no entanto, começou a espalhar-se a «acusação de silêncio»: segundo esta, ao não se pronunciar sobre o horror dos campos de concentração, Pio XII teria sido cúmplice dos nazis.

A polémica em torno da figura de Pio XII manteve-se até hoje, dividindo opiniões entre fiéis e estudiosos. Em 2020, o papa Francisco abriu o arquivo do Vaticano, permitindo que documentos desse período pudessem ser consultados e que se esclarecesse de uma vez por todas a posição do papa e da Igreja Católica face ao nazismo.


Ler mais

Autor

Johan Ickx

Johan Ickx é doutorado em História Eclesiástica pela Universidade Pontifícia Gregoriana e responsável pelo Arquivo Histórico da Secretaria de Estado da Santa Sé, bem como autor da obra La Guerre et le Vatican, Les Secrets de la Diplomatie du Saint-Siège (1914-1915).

A partir de 2010, conduziu o processo de preparação de quase dois milhões de documentos secretos sobre a atuação do Vaticano durante a Segunda Guerra Mundial e no período do pós-guerra, que culminaria na abertura oficial dos arquivos de Pio XII em 2 de março de 2020.

Ler mais