Partilhar

29,68 €

Detalhes do Produto

Sinopse

Este é um livro em que Guilherme Sousa aborda o trajecto de Aurelindo Jaime Ceia, professor das Belas-Artes e designer gráfico, num texto intitulado “Liberdade, Liberdade, Liberdade” – que não é um grito, mas uma abordagem informada e crítica. q Sónia Rafael abre depois uma Antologia Breve com uma análise teórica, onde refere as influências e a “revelação de uma poética”. Antologia onde cabem ainda cinco textos de A.J.Ceia e uma entrevista, sinalizando a sua inquietação permanente de docente e artista gráfico: “não há design sem pensamento”.

“Depois do Silêncio” fecha este livro e traduz, na escrita de A.J.Ceia, algumas memórias e um combate assertivo – numa deriva às vezes irónica, às vezes de faca nos dentes. "O design tem vivido sistematicamente na sombra do marketing e do espartilho das organizações. Hoje há novas vias a percorrer (“a economia transforma o mundo, mas transforma-o apenas em mundo da economia”, Guy Debord).

O Prefácio é de Maria Teresa Cruz, docente da Universidade Nova, que abre perspectivas profundas na temática sobre a “urgência do político e do design como projecto”, bem como nos cruzamentos possíveis (alguns urgentes) entre os processos da comunicação, a obra de arte e a cultura projectual.

Ler mais

Autor(es)

Guilherme Sousa

Ler mais

Aurelindo Jaime Ceia

Ler mais