Partilhar

Manual de Gestão Transcultural de Recursos Humanos

Arménio Rego, Miguel Pina e Cunha

Sujeito a confirmação por parte da editora


Desconto: 20%
37,15 € 46,44 €

Detalhes do Produto

Sinopse

A internacionalização das empresas e a globalização têm como, consequência a necessidade de adaptar práticas de liderança/gestão aos diferentes contextos culturais. Não se gere/lidera do mesmo modo em Portugal, na China ou na Suécia. Uma equipa constituída apenas por portugueses requer práticas de liderança diferentes das indicadas para uma equipa constituída apenas por chineses ou por uma mescla de portugueses, franceses e norte-americanos. A actuação na arena global coloca desafios à gestão de pessoas que não ocorrem em contexto simplesmente nacional (e.g., expatriação). Quantas pessoas e empresas bem sucedidas no seu país de origem fracassam no estrangeiro?! Este livro ajuda as empresas, os gestores, os académicos e os estudantes a compreender estes desafios - e apresenta-lhes abundantes linhas de acção, apoiadas em ilustrações práticas. Os principais temas estão organizados nos seguintes capítulos:

• Gerindo a aldeia global e o mosaico cultural
• Caracterizar o mosaico cultural para compreender os requisitos da liderança transcultural
• Comunicar, gerir e liderar em diferentes culturas
• Práticas de GRH das multinacionais em diferentes contextos culturais
• O ajustamento sociocultural dos expatriados: choque e desempenho
• Políticas de expatriação e selecção de expatriados
• Preparar e desenvolver
• Gerir o desempenho, recompensar e repatriar

No CD de apoio, são também inseridos capítulos sobre a cultura e a gestão nos EUA, na Alemanha, na Rússia, no Japão e na China. É ainda facultado um vasto elenco de exercícios que podem ser usados em eventos formativos e apoiar decisões de gestão.

Ler mais

Autor(es)

Arménio Rego

ARMÉNIO REGO (armenio.rego@ua.pt) é doutorado e mestre em Organização e Gestão de Empresas. Ensina na Universidade de Aveiro. É autor e co-autor de 27 livros, em áreas como as organizações positivas, a liderança, a comunicação, a ética e responsabilidade social das organizações, e a gestão internacional de recursos humanos. Publicou várias dezenas de artigos em revistas nacionais e internacionais, incluindo Journal of Business Research, Journal of Organizational Change Management, Creativity and Innovation Management Journal, Journal of Happiness Studies, Journal of Humanistic Psychology e Service Industries Journal. Tem desenvolvido consultoria em comportamento organizacional e gestão de recursos humanos, e realizado dezenas de conferências, seminários, workshops e eventos de formação de executivos nas mesmas áreas. Foi agraciado com diversos prémios e menções honrosas, em Portugal e no estrangeiro.

Ler mais

Miguel Pina e Cunha

Miguel Pina e Cunha é professor catedrático na Faculdade de Economia da Universidade Nova de Lisboa e director académico do The Lisbon MBA. É doutorado em Gestão pela Universidade de Tilburg e agregado em Teoria das Organizações pela Universidade Nova de Lisboa. Entre os seus livros mais recentes contam-se Liderança positiva(Sílabo, 2009), Sim, chefe (Sílabo, 2009), Empresa, progresso e contestação: O primeiro século de estudos organizacionais (Sílabo, 2010) e Porque não gosto do meu chefe (Sílabo, 2010). Assina uma coluna mensal no Jornal de Negócios. Recebeu o Prémio RH 2007 na categoria investigação, em conjunto com Arménio Rego. Pode ser contactado pelo endereço de e-mail mpc@fe.unl.pt.

Ler mais