Partilhar

Desconto: 10%
20,70 € 23,00 €

Detalhes do Produto

Sinopse

Com a edição de «Crítica da Faculdade do Juízo» de Immanuel Kant disponibiliza-se uma obra em que o interesse, a pertinência e a atualidade transpõem os limites da comunidade académica filosófica.
A introdução de António Marques e a tradução e notas de António Marques eValério Rohden acompanham o leitor na sua reflexão sobre o pensamento kantiano.

«A verdade é que se não parece ser possível um mundo estético sem moral, também não é plausível um mundo com valores morais, mas sem vivências estéticas. A necessidade de esclarecer esta dicotomia entre moral e estética é sentida como uma premência dos nossos dias e da nossa experiência de indivíduos que têm a sensação estranha de viverem em esferas divididas, parcelares ou incomunicáveis. A reflexão sobre este ponto atinge no seu centro o problema inicial respeitante à motivação sobre o lugar, a natureza e função dos valores nas sociedades modernas. Por outras palavras, a solidariedade entre a ética e a estética é um pressuposto de qualquer reflexão sobre o caráter irredutível dos valores numa forma humana de vida e é dessa solidariedade, que não chega a ser pertença a um mesmo solo comum, que nos fala terceira Crítica de Kant.»

 

Ler mais

Autor

Immanuel Kant

Immanuel Kant, Königsberg (1724-1804) teve uma vida modesta, sóbria, dedicada ao estudo e ao ensino. Profundamente imbuído dos ideais do Iluminismo, Kant professou uma profunda simpatia pelos princícios da Independência Americana e da Revolução Francesa. Precursor do idealismo transcendental, os seus escritos ainda hoje têm impacto e relevância em todo o pensamento filosófico.

Ler mais