Partilhar

WORLD PRESS CARTOON 2018

Vários

Em Stock


Desconto: 20%
14,35 € 17,95 €

Detalhes do Produto

Sinopse

Na Primavera de 2005, no catálogo da primeira edição do World Press Cartoon, escrevemos acreditar que se iria tornar «um lugar de encontro de talentos e mais um incentivo à excelência da criação artística neste domínio», proporcionando «aos editores da imprensa internacional novos argumentos para dar cada vez mais espaço e mais atenção a este importante género editorial.»

Se revisitamos essas palavras, é porque o desígnio se fez realidade, apesar dos muitos obstáculos que encontrámos pelo caminho. Ficamos a dever este sucesso aos autores, que nunca faltaram à chamada, aos editores, que continuam a chamar às páginas dos jornais este género maravilhoso da imprensa que é o cartoon; aos nossos patrocinadores que depositam a sua confiança nesta organização e na sua projecção internacional; e ao rigor e exigência que desde a primeira hora, do regulamento à selecção dos júris, da relação com os autores ao emolduramento das obras, sempre colocámos em cada passo do processo invisível que está nos bastidores destes catálogos e das nossas exposições.

Desde essa Primavera de 2005 e da primeira exposição em Sintra, que Portugal é o centro da iniciativa. Mas partilhámos este salão com outras cidades e outros países, «fazendo do World Press Cartoon um verdadeiro salão global, em tempo de tantas globalizações». São muitos os lugares e os parceiros destas itinerâncias, espalhadas por quatro continentes, e seria fastidioso enumerá-los. Mas a cada um deles estamos gratos e também a eles devemos a sobrevivência do World Press Cartoon.

As dificuldades sentidas, depois da crise financeira que abalou a Europa, obrigaram-nos a interromper por um ano esta organização. Aqui estamos de novo, com a mesma linha de orientação e o mesmo entusiasmo. Entusiasmo reforçado porque em 2017 nos acolhemos à hospitalidade das Caldas da Rainha, cidade que igualmente acolheu o maior caricaturista português de todos os tempos, Raphael Bordallo-Pinheiro. Um homem de imprensa e um grande artista, que viveu e criou em Portugal e no Brasil no fim do século XIX e primeiros anos do século XX.

Este é um salão de cartoons de Imprensa. De jornais e revistas em papel, espécie ameaçada pela vaga digital, para a qual não se encontrou, ainda, digno sucedâneo. Com todo o respeito pelos autores que criam para o mundo digital e para os media que os acolhem, continuamos a destacar e valorizar os títulos e os profissionais que lutam pela vitalidade do jornalismo impresso. Um mundo sem quiosques de jornais será seguramente um mundo mais pobre. E a relação de confiança do leitor com o jornal que compra no quiosque ainda não é a mesma com o jornalismo desmaterializado que se consome nos tablets e smartphones, por maior que seja a sua qualidade.

Esta é a razão, apesar dos muitos apelos e bons arumentos, por que não chegou ainda a hora de abrir o World Press Cartoon à produção de desenhos de humor dos media digitais.

Deve-se a Raphael Bordallo-Pinheiro a personagem autêntica e bem humorada que ainda hoje é símbolo do povo português e cuja silhueta inspirou a criação da nossa própria marca. Nas Caldas da Rainha, caricaturas, desenhos de humor e cartoons editoriais sentem-se em casa. O World Press Cartoon também.

António Antunes

Rui Paulo da Cruz

Pedro Pereira da Silva

World Press Cartoon

Ler mais

Autor

Vários

Ler mais