Partilhar

Sete Maneiras de Amor Sagrado/Uan Seuen Manieren van Heileger Minnen

Beatriz de Nazaré

Sujeito a confirmação por parte da editora

Desconto: 10%
10,80 € 12,00 €

Detalhes do Produto

Sinopse

Beatriz de Nazaré (1200-1268), prioresa cisterciense flamenga e baluarte do pensamento das Beguinas, é também autora de Sete maneiras de amor sagrado, o tratado poético que se inclui neste volume, precedido de três estudos introdutórios. Beatriz de Nazaré, como Hadewijch de Brabante (c. 1200), Matilde de Magdeburgo (c. 1207-1282) e Margarida Porete (1250-1310), são autoras que, a despeito de se encontrarem reconhecidas nas histórias da mística, têm vindo a manter-se um tanto distantes do panorama filosófico, sobretudo no que à língua portuguesa concerne.

Traduzir estas autoras pretende motivar uma reflexão contemporânea sobre o legado histórico feminino e místico na filosofia medieval, legado esse consubstanciado numa rede literária singular bem como num pensamento original, o qual provisoriamente podemos intitular de filosofia das Beguinas. Sete maneiras de amor sagrado descreve e compreende as várias maneiras de Minnen, sobretudo entendidas como processos interiores marcados pelo desejo, que se manifestam na alma que se prepara para a entrega total ao amor divino.

Com este curto, mas intenso texto de cerca de quatro mil palavras, Beatriz viria a marcar futuras gerações renanas, nas quais se destacam, para além das Beguinas atrás referidas, pensadores canónicos como Mestre Eckhart (1260-1327) e João Ruusbroec (1293-1381). Este volume pretende também contribuir para a discussão dos limites do cânone filosófico medieval, alargando-o a textos de autoria feminina e não escolásticos.

Ler mais

Autor

Beatriz de Nazaré

Ler mais