Partilhar

19,69 €

Detalhes do Produto

Sinopse

Antes de «Almoço Nu» (1959), um ainda desconhecido William S. Burroughs escreve «Junky» (1953), o seu primeiro livro. Esta obra é o testemunho de tempos e lugares passados, um relatório do submundo americano do pós-guerra. Sem receio de se assumir como toxicodependente e homossexual, Burroughs escreve quase como um antropólogo enquanto vai descrevendo sem pudor um modo de vida - em Nova Iorque, Nova Orleães e na Cidade do México - desprezado pela histeria de uma burocracia oportunista e pelo cinismo dos média. Nesta edição, recria-se meticulosamente o texto original do autor, palavra por palavra, através de manuscritos e arquivos. Aqui se inclui também a introdução de Burroughs e um capítulo inteiro inédito, juntamente com muitas passagens «perdidas».

Ler mais

Autor

William S. Burroughs

William S. Burroughs (1914-1997) foi um dos mais influentes escritores americanos do século XX. Apesar de se ter formado em Harvard em Literatura Inglesa, trabalhou durante alguns anos como exterminador de baratas, operário fabril e redator publicitário. Para escapar a essas ocupações, e em particular ao modo como era tratado enquanto homossexual e toxicodependente, deixou os Estados Unidos em 1950, começando pouco depois a escrever. No trabalho e na vida, expressou uma constante subversão da moralidade, da política e da economia da América moderna.

Ler mais