ENVIOS GRÁTIS - Para compras de 20/11 a 16/12. Devolução prolongada até 30/01/2021. Ver condições

Partilhar

Almanaque Do Benfica - Edição Revista

Rui Miguel Tovar

Sujeito a confirmação por parte da editora


Desconto: 10%
18,82 € 20,90 €

Detalhes do Produto

Sinopse

  • Em que ano o Benfica foi pela primeira vez tricampeão?
  • Como morreu o defesa Luciano?
  • Quantos póqueres marcou Eusébio pelo Benfica?

Se não sabe, não precisa de perguntar: estão aqui todas as respostas.

Em 1972 o Benfica lidera da primeira à última jornada e bate três recordes: termina sem uma única derrota, com 23 vitórias seguidas e a 18 pontos do segundo classificado (um surpreendente Belenenses); falta só garantir a Bota de Ouro a Eusébio.

No dia 9 de Junho o temível alemão Gerd Muller, do Bayern, está empatado com o Pantera Negra com 36 golos, joga contra o Colónia mas fica em branco; no dia seguinte Eusébio não perdoa e arrasa o Montijo com quatro, o segundo póquer numa mesma época. E que lhe vale a segunda Bota de Ouro.

É um dos momentos mais gloriosos da história do Glorioso. Um entre muitos. Mal cabem todos nas 800 páginas deste Almanaque do Benfica. Escrito por Rui Miguel Tovar, que fez um extraordinário trabalho de recolha de dados, estão aqui todos os jogos, todos os resultados, todos os marcadores, todas as vitórias desde que o clube foi fundado (como o 14-1 ao Riachense, em 1988/89, que ainda hoje ocupa o primeiro lugar do pódio).

No ano de todas as glórias, em que o Benfica chega à final da Liga Europa, ganha o campeonato, e arrebata ao Rio Ave a Taça da Liga e a Taça de Portugal, encontrará aqui tudo: os jogos, as histórias, as equipas tipo, as tristezas, mas também as alegrias que fazem do Benfica o maior clube do mundo.

Ler mais

Autor

Rui Miguel Tovar

Ler mais