Partilhar

A Gripe e o Naufrágio - Como as Notícias Representam os Riscos

Gonçalo Pereira Rosa

Sujeito a confirmação por parte da editora


Desconto: 10%
22,50 € 24,99 €

Detalhes do Produto

Sinopse

Como se comportam os meios de informação face a uma catástrofe anunciada? Em quem confiam? E como avaliam o risco? GONÇALO PEREIRA ROSA, analisou a cobertura noticiosa de duas catástrofes anunciadas: um petroleiro à deriva perto da fronteira portuguesa carregado com fuelóleo apresentava, em Novembro de 2002, um risco catastrófico, mas conhecido, de derrame sobre as águas nacionais; em contrapartida, em 2009, uma epidemia de gripe com potencial avassalador constituía uma das ameaças mais imprevisíveis para a saúde pública, sem paralelo na história recente.
Os media alimentam uma obsessão com a novidade que se torna prejudicial na gestão de uma catástrofe de desfecho imprevisto. A gestão de risco define-se, em contrapartida, pelo planeamento do pior cenário possível, esperando naturalmente que ele não se concretize. Apresentando reflexões de jornalistas e gestores de crise, ministros e decisores, humoristas e comentadores, este livro reúne pistas sobre o tratamento noticioso de temas da sociedade de risco e as forças que afectam o seu enquadramento, bem como a necessidade de colocar em prática estratégias comunicacionais justas, factuais e realistas.
Discutindo as restrições que uma situação de emergência nacional coloca ao normal funcionamento dos jornalistas, A GRIPE E O NAUFRÁGIO é um documento indispensável para gestores de crise e jornalistas, para investigadores de comunicação e para qualquer cidadão interessado no processo de construção social do risco e na forma como cada emergência, em tempos elevada a prioridade, tende a atingir um inevitável pico de saturação, antes de se juntar à lista de recordações de sustos passados.

Ler mais

Autor

Gonçalo Pereira Rosa

Ler mais