A convenção de arbitragem no direito angolano

A convenção de arbitragem no direito angolano

Estudos de Direito Africano

Lino Diamvutu

Disponível para envio imediato

-10%

€19.90
€17.90

Detalhe do Produto

Editora: Almedina
Coleção: Estudos de Direito Africano
Tema: Direito Processual
Ano de Edição: 2016
ISBN: 9789724066127

Tipo de Capa: Brochada
Número de Páginas: 284

Sinopse

O nome de Lino Diamvutu é conhecido nos meios ligados à arbitragem voluntária, em Angola e em Portugal, porque autor de diversas publicações, de entre as quais se destaca a Lei da Arbitragem Voluntária (Angola), Comentada, escrita em parceria com Manuel Gonçalves e Sofia Vale. Como tema da sua Dissertação de Mestrado em Ciências Jurídico-Civilísticas escolheu A Convenção de Arbitragem no Direito Angolano, trabalho agora dado à estampa e que temos o prazer de prefaciar.

Todos os aspetos atinentes a esta figura jurídica, à qual o legislador angolano dedicou o Capítulo 1.º da Lei da Arbitragem Voluntária (lav), são analisados com minúcia, utilizando também a legislação, jurisprudência e doutrina de outros países, em particular de Portugal, Brasil, França e Bélgica (mas também da Alemanha, Itália, Suíça e Reino Unido), e os instrumentos internacionais relacionados. Utilização que tem lugar numa perspetiva crítica do direito positivo, transmitindo solidez à exposição e abrindo horizontes ao leitor.

Jorge Ferreira Sinde Monteiro

Ler Mais

Sugestões Relacionadas

Mais vendidos em Direito Processual

Salvo indicação em contrário, os descontos e campanhas apresentados são válidos para o dia 18-07-2019.

Sede Almedina

Rua Fernandes Tomás, n. º 76-80
3000-164 Coimbra

239 436 266

Livraria Almedina Grupo Almedina Almedina Livrarias Almedina

Newsletter


Ao aceitar está a concordar com a utilização dos seus dados pessoais para receber, por email, comunicações como newsletters, notícias, campanhas especiais e divulgação de produtos e serviços organizados ou comercializados pelo Grupo Almedina, nos termos da nossa Política de Privacidade que declara ter consultado previamente.