As Nacionalizações do PREC

As Nacionalizações do PREC

Lino, Filipa

Sujeito a confirmação por parte da editora

-20%

€15.00
€12.00

Detalhe do Produto

Editora: Parsifal
Tema: História
Ano de Edição: 2016
ISBN: 9789898760265

Sinopse

Em 1975, Portugal estava num tumulto. Depois da Revolução dos Cravos, a agitação social instalou-se nas empresas. De um lado, estavam os administradores; do outro, a classe operária. Sucederam-se os plenários, as greves, os cadernos reivindicativos, as manifestações e os saneamentos. Os trabalhadores queriam «gente de confiança» na gestão. E pressionaram o Governo a agir. O golpe falhado liderado pelo general Spínola a 11 de Março foi o mote para que as reivindicações dos trabalhadores fossem acedidas pelo Executivo liderado por Vasco Gonçalves. O país entra no chamado Processo Revolucionário em Curso. Foi debaixo deste ambiente em convulsão que se sucederam em cascata inúmeros decretos-leis a nacionalizar as empresas; de um momento para o outro, o Estado tornou-se o dono de mais de 1300. Algumas por arrasto, em virtude de serem detidas pelos grupos económicos nacionalizados, como foi o caso de barbearias, floristas, restaurantes, hotéis ou pequenas fábricas de transformação de tomate. Baseado numa extensa investigação e nos testemunhos de protagonistas da época, As Nacionalizações do PREC é o retrato de um período que alterou a sociedade portuguesa.
Ler Mais

Sugestões Relacionadas

Mais vendidos em História

Salvo indicação em contrário, os descontos e campanhas apresentados são válidos para o dia 23-09-2018.

Sede Almedina

Rua Fernandes Tomás, n. º 76-80
3000-164 Coimbra

239 436 266

Livraria Almedina Grupo Almedina Almedina Livrarias Almedina

Newsletter


Ao aceitar está a concordar com a utilização dos seus dados pessoais para receber, por email, comunicações como newsletters, notícias, campanhas especiais e divulgação de produtos e serviços organizados ou comercializados pelo Grupo Almedina, nos termos da nossa Política de Privacidade que declara ter consultado previamente.