Partilhar

Desconto: 10%
21,96 € 24,40 €

Detalhes do Produto

Sinopse

«O IV Governo Constitucional não semeará esperanças vãs. As condições encontradas exigem-lhe que peça sacrifícios. Mas, em contrapartida, não enganará os portugueses. Os sacrifícios que pede são o mínimo exigível para que se estabeleçam as bases realistas do desenvolvimento e do progresso. (...) Os problemas são muitos, os sacrifícios são grandes, mas a esperança é maior». Mota Pinto faleceu na plena força da idade, com 48 anos e apenas onze de vida política.

Nesse período, mostrou uma enorme versatilidade política e o seu percurso caracterizou-se por uma certa originalidade: foi primeiro-ministro do IV Governo Constitucional (o primeiro Governo declaradamente não marxista e o único de iniciativa presidencial que esteve em funções com mandato ilimitado); fez com Mário Soares a única experiência de coligação entre os dois maiores partidos portugueses - Bloco Central - e foi vice-primeiro-ministro e ministro da Defesa desse Governo (excetuando Mota Pinto, nenhum político em Portugal, depois de ter ocupado o cargo de primeiro-ministro, aceitou integrar, posteriormente, numa posição inferior, outro Executivo); foi o primeiro líder do Grupo Parlamentar do PPD (1975); tornou-se depois deputado independente e «padrinho» da Assembleia da República; foi ministro de governos de partidos diferentes (ministro da Defesa do Bloco Central, pelo PSD, e ministro do Comércio e Turismo de um Governo do PS). Homem de consensos, firme mas afável, com sentido de dever mas desapegado do poder, a ação e o desaparecimento de Mota Pinto tiveram influência relevante na história das primeiras décadas do regime democrático que o 25 de Abril de 1974 tornou possível.

Ler mais

Autor

João Pedro George

Nasceu em Moçambique, em 1972.
Licenciou-se em Sociologia, na Universidade Nova de Lisboa e em 1999 concluiu o mestrado em Sociologia e Economia Históricas na mesma universidade.
Colaborou no semanário O Independente e na revista Livros como crítico literário, tendo também publicado textos académicos em revistas científicas. Tem algumas traduções na área das ciências sociais, como O Oriente no Ocidente, de Jack Goody ou Visões da Política de Quentin Skinner.
Actualmente lecciona no Departamento de Sociologia da Universidade Nova de Lisboa.

Ler mais