ENVIOS GRÁTIS - Para compras de 20/11 a 16/12. Devolução prolongada até 30/01/2021. Ver condições

Partilhar

Desconto: 20%
10,40 € 13,00 €

Detalhes do Produto

Sinopse

«Opresente trabalho pretende contribuir para o estudo, que emgrande parte está por fazer, da inter-relação entre a literatura espanhola e a portuguesa, analisando de perto ummomento particularmente significativo de convívio fecundo entre as duas culturas ibéricas. É o percurso de uma poesia o que se apresenta, o estudo das fontes da poética de umdos autores mais importantes do movimento neo-realista português (Manuel da Fonseca), projectando influências mas sobretudo homologia de estruturas fundamentadas na identidade dos substractos geográfico e social que, em linhas gerais, contamina os dois poetas postos em confronto. Desdobra-se em cinco capítulos, orientados por uma leitura dos textos, partindo, em geral, do génio poético de Federico García Lorca—o qual, de resto, deixou ecos intensos na área portuguesa (veja-se, por exemplo, alguns poemas significativos de Alberto de Lacerda, Eugénio de Andrade, Joaquim Namorado, José Gomes Ferreira, José Terra, Miguel Torga, Raul de Carvalho e Sophia deMello Breyner Andresen, entre outros)—, do respirar clandestino da sua poesia. […]»

Manuel Simões

Ler mais

Autor

Manuel Simões

Ler mais