Partilhar

Análise Estrutural Redes Sociais

Vários

5 dias


Desconto: 20%
10,07 € 12,59 €

Detalhes do Produto

Sinopse

O conceito de rede social cedo surgiu na Sociologia e na Antropologia Social. No entanto nas décadas de 30 e 40, do Século XX, o termo era sobretudo utilizado metaforicamente: os autores não identificavam características morfológicas nem estabeleciam relações entre as redes e o comportamento dos indivíduos que as formavam. Na segunda metade do século passado, o conceito de rede social tornou-se central na sociologia, levando a crer na existência de um novo paradigma das ciências sociais. Atualmente a análise estrutural das redes sociais tornou-se numa abordagem interdisciplinar que assenta no postulado de que os atores sociais se caracterizam mais pelas suas relações do que pelos seus atri-butos (género, idade, classe social). Estas relações têm uma densidade variável, a distância que separa dois atores é maior ou menor e alguns atores podem ocupar posições mais centrais que outros.Algumas teorias permitem explicar estes fenómenos, entre as quais a dos fortes e fracos laços e a dos buracos estruturais onde se encontram os atores que não podem comunicar entre si a não ser por um terceiro. Após explicar as técnicas de tratamento e de recolha de dados neces­sárias à análise estrutural, os autores apresentam estudos de caso que são analisados com a ajuda de teorias, técnicas e conceitos explicados ao longo da obra. Os estudos de casos assentam nas relações de parentesco, nas redes sociométricas, no capital social, nas redes de apoio, de mobilização, as interconecções entre empresas e redes de política pública. Para complemento, a obra apresenta um glossário onde se encontram as definições dos principais conceitos utilizados na análise estrutural.

Ler mais

Autor

Vários

Ler mais