Destaque


LIVROS
Arte
Ciências
Ciências Económicas
Ciências Sociais e Humanas
Direito
Infantil
Jogos e Brinquedos
Literatura
  Ensaio Literário
  Literatura
  Poesia
  Prosa Narrativa
Livros Práticos
Ir para...
EBOOKS
Ebooks em Português
  Arte
  Ciências
  Ciências Económicas
  Ciências Sociais e Humanas
  Direito
  Diversos
  Infantil e Juvenil
  Literatura
  Livros Práticos
Ebooks Internacionais
  Arte
  Ciências
  Ciências Económicas
  Ciências Sociais e Humanas
  Direito
  Diversos
  Infantil
  Literatura
  Livros Práticos
OS MAIS VENDIDOS
Poesia
bestsellersA Paixão
bestsellersAntologia da Poesia Erótica Brasileira
bestsellersManhã
bestsellersO Azul Imperfeito
bestsellersPoesia
bestsellersSonetos
Literatura
Soletrar o Dia
Rosa Alice Branco

Editora:
Quasi Edições
Tema:
Poesia
Ano:
2002
Livro de capa mole

ISBN 9789785520125 | 252 págs.
Disponibilidade: 2 dias   Indica o prazo de envio do artigo. A este prazo acresce o tempo de entrega do transportador.


Recomende este livro a um amigo

* Portes gratuitos para encomendas superiores a 35€, excepto envios à cobrança e envios internacionais.

Soletrar o Dia
promo


€20.14 | €18.13
Com envio gratuito *



SINOPSE

Como bem sublinha valter hugo mãe no prefácio desta edição, "mais do que ver com o que escreve, sobressai a sensação de que Rosa Alice Branco cria uma janela sobre si mesma, mas sempre como uma forma de ver a ver-se. A sua escrita é um laboratório de observação ao acto de observar. Será das poéticas mais visuais do nosso pano¬rama literário; impressionada com a pintura, lida com o texto como uma máquina de produzir espaços - espaços volumétricos -conduzindo o leitor à visão e al¬guma inclusão". Nesta poesia completa e reunida de Rosa Alice Branco, "Soletrar o Dia", detecta-se a intenção da poetiza de conferir aos seus escritos uma dimensão cada vez mais vivencial, certa de que o processo da auto-descoberta interior terá que passar por uma relação com os outros isenta de artifícios. Sensações, desejos, reflexões ou simples murmúrios sucedem-se em poemas que traduzem a paixão e a intensidade com que a autora encara o espectáculo do Mundo, no qual a solidariedade, a entrega e a partilha são eixos fundamentais. Tais intentos são bem visíveis no poema "Escadas que sobem": "Desmantelo o tempo. Tu apareces e trazes magia para dentro das gavetas para a mão suspensa no puxador."

COMENTÁRIOS
Não existem actualmente comentários sobre este produto.
Escrever Comentário
Clientes que compraram este produto também compraram
OTeatro e o Seu DuploOTeatro e o Seu Duplo
Antonin Artaud
Editora: Fenda | Ano: 2006
Disponibilidade: Sujeito a confirmação por parte da editora
xix poemasxix poemas
e.e. cummings
Editora: Assírio & Alvim | Ano: 1998
Disponibilidade: Indisponível
Diferença e RepetiçãoDiferença e Repetição
Gilles Deleuze
Editora: Relógio d' Água | Ano: 2000
Disponibilidade: Sujeito a confirmação por parte da editora
A Invenção do Dia ClaroA Invenção do Dia Claro
José de Almada Negreiros
Editora: Assírio & Alvim | Ano: 2005
Disponibilidade: 2 dias
A Construção do MundoA Construção do Mundo
Marc Augé
Editora: Edições 70 | Ano: 2000
Disponibilidade: Indisponível
Dentro de Mim Faz Sul SeguidoDentro de Mim Faz Sul Seguido
Ondjaki
Editora: Caminho | Ano: 2010
Disponibilidade: 2 dias
Salvo indicação em contrário, os descontos e campanhas apresentados são válidos para o dia 16-01-2018.
Joaquim Machado, SA | NIF: 500979197 | Rua Fernandes Tomás 76-80, 3000-167 Coimbra Portugal | Tel: +351 239 851 903 | Fax: +351 239 851 901
Livraria Online vendas@almedina.net | Tel: +351 239 436 266 | Fax: +351 239 436 267
Vendas Institucionais orcamentos@almedina.net | Tel: +351 239 436 268 | Fax: +351 239 436 267
Termos de utilização
logo